Década foi a mais quente da história diz Nasa

Década foi a mais quente da história diz Nasa

Mundo – O ano de 2019 foi o segundo mais quente da história, desde que começou o registro de temperatura — em 1850. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (15) pela NASA e pela Organização Meteorológica Mundial.

A temperatura global média no ano passado estava 1,1 ºC acima dos níveis pré-industriais. Segundo os órgãos, houve uma alta significativa de temperatura da Terra na década de 2010 e o ano mais quente do período foi 2016.

Cientistas alertam que o aquecimento do planeta, provocado pelo aumento de gases do efeito estufa, faz com que os eventos climáticos fiquem cada vez mais severos.

Em 2019, a seca assolou a América Central e a Austrália. A Europa e o Japão viveram ondas de calor e super tempestades atingiram o sudeste da África.

De acordo com o Observatório de Situações de Deslocamento Interno, mais de 10 milhões de pessoas saíram de seus países. Deste total, 7 milhões foram deslocadas por conta de fenômenos meteorológicos extremos.

Ano passado, a ONU disse que as emissões de gases de efeito estufa causadas pelo homem precisam cair 7,9% ao ano até 2030.

A meta de limitar o aumento da temperatura da Terra para 1,5 ºC é uma das mais ambiciosas do Acordo de Paris.

Fonte: Jovem Pan

Imagem/Divulgação/Internet