Educação antecipa recesso de julho e aulas param na quarta-feira (31)

Educação antecipa recesso de julho e aulas param na quarta-feira (31)

São Bento do Sul – Os números da Covid-19, entre casos confirmados e suspeitos, estão preocupando a Secretaria e o Conselho Municipal de Educação. Conforme o secretário titular da pasta, professor Josias Terres, nesta segunda-feira (29) entre casos suspeitos e confirmados, que exigem afastamento de profissionais, somam 321 pessoas afetadas.

Conforme Josias, após debates embasados nos números, que cresceram assustadoramente nos últimos dias, definiu-se por algumas atitudes imediatas, como a antecipação do recesso escolar previsto para julho. Seguindo alguns critérios para atuação dos profissionais, as aulas seguem até quarta-feira (31) e volta novamente no dia 19 de abril. “Precisamos tomar uma atitude. A educação conta com 10 mil pessoas em circulação diariamente. Retirando um número considerável de pessoas circulando estaremos contribuindo para evitar que os números de contaminação sigam crescendo”, disse Josias.

A secretaria ainda destaca que a situação já havia passado pela reunião do Comitê de Combate à Crise do Novo Coronavírus com aprovação. “Mas ainda estamos analisando de que forma os servidores da educação devem atuar no sistema home office para evitar que fiquem em circulação nesse momento”, completa.

Nesta terça-feira (30) o secretário terá uma reunião com o prefeito Antônio Tomazini (PSDB) para deliberar algumas situações e definir alguns detalhes para repassar à equipe da secretaria de educação.

Cronograma do recesso que começa após os feriados de Páscoa

Foto: Arquivo/O Jornaleiro